2014-12-03

A VIDA COMO CAMINHO E COMO UM JOGO.

“Após o ser humano ser tocado conscientemente sobre o caminho que deva seguir, após ele já ter definido sobre as novas ações que deva tomar, mesmo assim ele deve respeitar os ciclos naturais que regem as mudanças na vida. Aberturas e fechamentos de ciclos relacionais com a vida terrena seguem as leis regentes do tempo planetário, sincronicamente ao tempo cósmico [...] Levar muito a sério o caminho é tão danoso quanto ser relapso com ele [...] Quando se trilha o caminho do espírito, surgem inevitavelmente as ofertas dos mundos densos. São convites e propostas tentadoras de crescimento e fortalecimento material para entreter a consciência nos planos mais baixos da ilusão. Camuflagens perfeitas para a confirmação do status egóico. É necessário atenção, pureza, discernimento e meditação para reconhecermos a sutilidade mascarada destes atrasos ofertados [...] A cada curva ou relevo alcançado no caminho, um novo trecho se apresenta. Não importa em que altura do caminho o ser se encontre, deve buscar sempre o próximo trecho [...] Um grande mestre resguarda parte dos seus ensinamentos ocultamente e em silêncio. Reserva-os somente para alguns escolhidos e em momentos adequados. Sabe que o caminho requer busca, perseverança, investigação, devoção, mérito e iniciação por parte do peregrino espiritual. O desvelar de um mistério ganha mais força, importância e poder quando exige algum esforço por parte do buscador. De outra forma, não receberia a devida atenção por uma consciência acomodada, preguiçosa e que recebe tudo fortuitamente em suas mãos [...] Livre-se da pedra em seu caminho, mas não a chute. Ela é o seu bem disfarçado de mal [...] A distância a se percorrer no caminho está de acordo com a capacidade de condução da sua bagagem pessoal. Há um limite intrínseco a cada etapa do caminho [...] Durante a caminhada humana pela Terra, o ser alcança inúmeras realizações e satisfações. Porém, nenhuma se compara à autorrealização. Este estado de consciência traz uma lucidez plena de sintonia para com o todo. A consciência do ser é absorvida por uma luz indescritível que o estabelece em si e em comunhão com a rede cósmica da interdependência. Uma vivência e experiência direta que está no destino cósmico dos seres humanos. Uma dádiva dos céus [...] Não se pode calçar as sandálias de outro e caminhar-se por ele. Mas se pode deixar rastros que dão rumo ao caminho.”   (Do livro “VIA TERRA, caminhos da luz”, Horácio Netho)
 
 
Venham conhecer, conferir e curtir a Comunidade do Portal Arco Íris no facebook
https://www.facebook.com/PortalArcoIrisNucleoDeIntegracaoECuraCosmica